Acusada de ser uma série branca demais, Sex And The City terá personagens negras em sua sequência

Criticada pela falta de diversidade durante sua exibição original, Sex and the City (1998-2004) tentará resolver o problema em sua continuação, And Just Like That…, que será disponibilizada no streaming HBO Max. Para preencher o vazio deixado por Samantha (Kim Cattrall), Carrie (Sarah Jessica Parker) ganhará amigas negras na nova fase.

Segundo o site TVLine, Carrie, Charlotte (Kristin Davis) e Miranda (Cynthia Nixon) vão expandir seu círculo social em And Just Like That…, com cerca de meia dúzia de personagens. Desses, três serão mulheres negras --que vão fazer parte do elenco fixo da atração.

A presença de negros no revival de Sex and the City é uma resposta tardia a uma das principais críticas que a comédia enfrentou em sua exibição original --de que era uma representação “branca demais” para uma cidade etnicamente diversa como Nova York.

Chamada de And Just Like That…, um dos bordões que Carrie escrevia em sua coluna de relacionamentos no jornal, a nova série terá de lidar com o sumiço de Samantha, a amiga viciada em sexo. Kim Cattrall preferiu ficar de fora da atração após se desentender nos bastidores com Sarah Jessica Parker.

Segundo o chefe de conteúdo da HBO Max, Casey Bloys, a ausência será explicada logo no primeiro episódio --ele adiantou que ela não vai morrer e apenas terá seguido outro rumo na vida. “Assim como na vida real, as pessoas entram e saem de seu círculo de amigos. Amizades acabam, e novos relacionamentos começam”, disse o executivo.

Confira o teaser de And Just Like That… compartilhado por Sarah:

nossa a kim é a alma de SATC, a falta dela vai ser bem sentida na série

2 curtidas

Poderiam fazer uma nova versão de Friends mais rica etnicamente tb

Idem, ela era uma das mais divertidas e empolgantes da série

Não é mais fácil criar materiais novos?