Aline Wirley apoia o marido Igor Rickli em post contra homofobia: 'Te amo e respeito cada dia mais'

Ex-Rouge e ex-BBB deixou um comentário na postagem do marido de cropped

Aline Wirley deu apoio ao marido, Igor Rickli, após o ator fazer um post contra homofobia. Igor publicou um álbum de fotos usando cropped e maquiagem em defesa de João Guilherme, que foi alvo de falas machistas e homofóbicas ditas pelo humorista e ex-BBB Nego Di, que detonou as roupas usada pelo filho do sertanejo Leonardo.

“Sim, você afronta a ignorância escancarada que foi forjada numa sociedade patriarcal, onde o machismo continua sendo incentivado e perpetuado por pessoas assim, e é exatamente por isso que te amo, te respeito e te admiro cada dia mais”, escreveu a ex-integrante do Rouge nos comentários da postagem do marido, que se declarou bissexual e revelou já ter ficado com homens.

Na publicação feita na última quinta-feira, 29, Igor repudiou as falas dita por Nego Di sobre João Guilherme, feita em um vídeo que foi compartilhado pelo seu próprio amigo, o ator Rafael Cardoso.

“Pros ‘machões’ que acham que somos só ‘cachorras loucas pra dar’ um prato cheio pro seu deleite Minha roupa não me define. Aproveito pra evidenciar que meu prazer não tá em me vestir “como mulher” e sim, em ter coragem pra transgredir e afrontar tanta ignorância. As falas desse vídeo soaram extremamente ofensivas, despertaram vários gatilhos e pra mim deveriam configurar como crimes de homofobia. Pra vocês, não?”, escreveu.

A polêmica começou após o ator Rafael Cardoso compartilhar o vídeo do humorista e ex-BBB Nego Di em que propaga falas homofóbicas e machistas sobre a roupa usada pelo filho caçula do sertanejo Leonardo. “Bah, Negão, estou contigo”, postou Cardoso na legenda do vídeo repostado em seus stories.

No vídeo, Nego Di se refere à roupa de João Guilherme com uma “pouca vergonha” e diz que “não precisa de toda essa alegoria para dar o rabo”. “O cara quando bota esse tipo de roupa está com a placa atrás escrita: ‘enfie’. Se veste que nem uma cachorra e vira o terror dos homens de masculinidade frágil. Agora, porque eu não gosto de me vestir de mulher e dar o meu rabo, a minha masculinidade é frágil”, foram algumas das falas do ex-BBB.