Após escrever para o horário das 18h, Thelma Guedes pode estrear como autora das 21h sem sua parceira Duca Rachid

Após o fim da parceria com Duca Rachid, Thelma Guedes está preparando sua primeira sinopse de voo solo na Globo e a proposta tem possibilidade real de ser desenvolvida para a faixa das 21h. A novelista sempre trabalhou em dupla e esta é a primeira vez que ela desenvolve uma produção sozinha para a aprovação, mas a ideia agradou Ricardo Waddington e pode ir parar no principal horário da emissora carioca.

Segundo apurou o NaTelinha, a separação de Duca e Thelma passou longe de algum tipo de desentendimento entre ambas, ao contrário. Fontes ligadas à dramaturgia da Globo dizem que foi um pedido de Ricardo Waddington, que trabalhou com as duas em praticamente todas as novelas delas, porque precisa de nomes de confiança neste processo de transição.

Com isso, Duca está desenvolvendo uma sinopse para a faixa das 18h ao lado de Julio Fischer, um dos mais importantes colaboradores da Globo. Muito bem quista, a história tem grande chance de pular a fila, inclusive, disputando para ir ao ar no segundo semestre de 2022 ou no primeiro de 2023. Já Thelma optou por ficar sozinha e escrever sua própria história.

O projeto vem sendo guardado a sete chaves, tanto por ela quanto pela emissora, mas o argumento - uma espécie de resumo da sinopse - foi muito bem aceito por Ricardo Waddington em reunião virtual com a autora. Para o chefão de entretenimento, a história tem envergadura para ser exibida às 21h, por isso a encomenda foi de uma sinopse com maior profundidade de personagens e acontecimentos.

Thelma Guedes às 21h

Sem parceira, Thelma Guedes pode estrear novela às 21h na Globo

Thelma obedeceu o patrão e vem trabalhando na história e no primeiro bloco de seis capítulos. Essa é uma exigência de José Luiz Villamarim, diretor de dramaturgia. Na gestão dele, nenhuma história terá sinal verde para ser produzida sem, ao menos, um bloco de capítulos - a média é de dois blocos, doze capítulos. Mas a sinopse de Guedes ainda não está completamente fechada.

Mesmo assim, fontes ouvidas pelo NaTelinha garantem que a história é promissora e pode, de fato, ganhar uma vaga na faixa das 21h. Atualmente, a fila do horário está com Em Seu Lugar, de Lícia Manzo, prevista para novembro, seguida de Pantanal, de Bruno Luperi, que deverá estrear em abril, Olho Por Olho, de João Emanuel Carneiro, com início previsto para outubro e a novela de Gloria Perez, ainda sem nome, com estreia marcada para março ou abril de 2023.

Depois disso, ainda existe a possibilidade de que a produção seguinte seja da parceria de Ricardo Linhares e Maria Helena do Nascimento, mas não foi batido o martelo. Diante disso, a novela de Thelma poderá ser exibida nesta data ou, quando muito, no segundo semestre de 2023. Para isso, no entanto, é preciso sinal verde de Villamarim e de Ricardo Waddington.

Thelma Guedes e Ricardo Waddington

Sem parceira, Thelma Guedes pode estrear novela às 21h na Globo

A tirar por Waddington, as chances de Thelma Guedes são grandes, já que o chefão de entretenimento da Globo gosta muito da autora. Ele foi o diretor de núcleo de Cama de Gato (2009), Cordel Encantado (2011) e Joia Rara (2013). Por este último trabalho, o diretor ganhou com a autora e com Duca Rachid, o Emmy Internacional de de melhor novela.

Waddington somente não trabalhou com ela em O Profeta (2006), que foi dirigida por Roberto Talma e Órfãos da Terra (2019), que teve a direção de Gustavo Fernandez, quando Ricardo já era o chefão dos Estúdios Globo.

Até hoje achei um tremendo descaso ver a sinopse delas para as 21h ter sido barrada pelo Silvio de Abreu

Essa trama delas acho que tinha uma ótima premissa de ser um sucesso pelo que saiu de noticia na época

Mas curioso pra como ela irá se sair como autora solo porque juntamente com a Thelma Guedes entregaram 4 novelas originais totalmente perfeitas e um remake bom no geral

estou curioso para ver, se estão dizendo que é promissora…
a duca e a thelma são autoras fenomenais, acho que uma chance às 21h é o que elas precisam

1 curtida

Órfãos da Terra tinha qualidade pra ser exibida às 21h, com uma mudança aqui ou ali

Fotografia de OFT era perfeita e mesmo que tenha se perdido do meio pro final, ainda sim merecia mais reconhecimento