Após gravar a segunda temporada da série inédita "O Coro" para a Disney+, Miguel Falabella começa a trabalhar no musical da Alcione

Após os trabalhos em O Coro: Sucesso, Aqui Vou Eu (Disney+), Miguel Falabella enfrenta uma jornada intensa nos bastidores de Marrom - O Musical. A produção homenageia os 50 anos de trajetória de Alcione e, para que o projeto esteja no nível dos tradicionais espetáculos da Broadway, o ex-Globo madruga para tirar cada detalhe do papel.

“Tem uma maestria no texto e na direção do Miguel Falabella, que está vivendo só para isso, enlouquecido. Ele manda mensagem 3h da manhã: ‘Jô, pensei nessa cena, o que você acha?’. Então, praticamente, estamos vivendo e bebendo Marrom diuturnamente”, confessa Jô Santana, idealizador do projeto, em entrevista ao Notícias da TV.

Para a reportagem, o produtor explica que o espetáculo está em desenvolvimento há cerca de cinco anos: “Teve a pandemia, o que ocasionou uma parada, mas é o sonho que move a gente. Nessa terra devastada, voltar com esse musical, com toda esse pertencimento, inclusão, nesse momento do Brasil, é muito político estar em cena”.

“Queremos fazer algo no nível de sofisticação da Broadway, ela [Alcione] merece essa grande homenagem nesses 50 anos. É isso que a gente está pensando, em tudo. O Falabella é o rei [do teatro musical], falou assim: ‘Jô, não vou só escrever o texto, vou dirigir’. Ele foi filmar [um longa], agora já vai começar Alcione, está fazendo [a peça] A Mentira no Rio de Janeiro, está com Donna Summer aqui. Miguel não para, um homem que tem energia de menino”, pontua Santana.

Nesta semana, ocorre a audição do musical. A equipe do espetáculo recebeu mais de duas mil inscrições de artistas de todo o país. Destes, 300 foram selecionados para os testes de atuação, canto e dança. Apenas 14 atores e atrizes serão selecionados para o trabalho.

Os aprovados farão companhia para quatro atores maranhenses selecionados anteriormente. Alcione nasceu no Maranhão, e o espetáculo contará a história do boi maranhense enquanto intercala momentos da trajetória da cantora.

“Estou com frio na barriga desde o dia que encontrei com a Alcione, porque é muita ousadia falar: ‘Quero montar o seu musical’. Cinco anos depois, você ver isso aqui, essa juventude ouvindo Alcione, é um máximo. Estou feliz à beça”, destaca o produtor.

Um dos diferenciais do projeto é que as roupas serão confeccionadas pelas detentas do Complexo Penitenciário das Pedrinhas, no Maranhão. “É esse frio na barriga, de você pegar a história de uma mulher e fazer com que a história dela conte outras histórias”, analisa Patrícia Vilela, presidente do Instituto Humanitas360.

Marrom - O Musical estreia em 25 de agosto em São Paulo. Em novembro, o espetáculo irá para o Rio de Janeiro e, em 2023, percorrerá o país.

https://noticiasdatv.uol.com.br/noticia/celebridades/apos-serie-da-disney-miguel-falabella-madruga-para-juntar-broadway-e-alcione-82629