BC vai gastar 1,5 milhão para plantar restinga com plantas nativas na praia após alargamento

A prefeitura de Balneário Camboriú abriu processo de licitação para replantar a restinga, que há décadas “sumiu” da Praia Central. O projeto, orçado em R$ 1,5 milhão, prevê a instalação de mais de 33 mil mudas de plantas nativas ao longo de toda a orla. O cinturão verde vai ajudar a proteger a obra de alargamento e mudará a relação dos banhistas com a praia: a reurbanização prevê a instalação de passarelas, para que a restinga não seja pisoteada.

A secretária Municipal de Meio Ambiente, Maria Heloísa Lenzi, explica que o plantio da restinga será feito a uma distância de 25 a 30 metros do calçadão atual, levando em conta o futuro projeto de urbanização da orla. Toda a área será cercada para garantir a sobrevivência das mudas, e haverá cerca de 60 “vãos” – espaços para passagem dos banhistas, até a construção das passarelas.

A prefeitura está na segunda tentativa de contratar o plantio da restinga. A primeira licitação terminou deserta. Desta vez, Maria Heloísa acredita que o certame vai até o final.

  • Já tem pelo menos uma empresa interessada, fazendo questionamentos.

Segundo ela, o projeto não é tão simples de contratar porque demanda plantio de espécies que não são produzidas em escala comercial, e em grande volume. A licitação prevê um prazo para que a empresa que vencer a concorrência produza as mudas e faça o plantio, que deverá ser acompanhado por uma equipe técnica de biólogos e engenheiros florestais. A expectativa é que a restinga comece a ser reinstalada na praia após o fim da temporada de verão.

O dinheiro dos nossos ad’s sendo bem utilizado

E boatos que trabalhar de Uber não dá dinheiro né Guilherme ???

A BCHARTS???

@GuilhermeBac jura que não é rico

O contrato com a mynd8 rendendo