Bombshell

https://www.youtube.com/watch?v=0rBnkBIhoFE

Sinopse: Um gigante do telejornalismo e antigo CEO da Fox News, Roger Ailes (John Lithgow) tem seu poder questionado e sua carreira derrubada quando um grupo de mulheres o acusam de assédio sexual no ambiente de trabalho.

Torrent

Quando sair legenda eu posto aqui

1 Curtida

e vamos de margot robbie academy nominee

1 Curtida

E vamos de mais uma atuação porca da Nicole Kidman

1 Curtida

Margot Robbie lendária em mais uma indicação.

1 Curtida

O old

1 Curtida

Nicole lenda. Para mim, a melhor atuação do filme.

Charlize e Margot estão ótimas também e merecem mesmo a indicação.

no aguardo da legenda

Bombshell

2.5/5

a direção do filme distrai MUITO a gente. Isso prejudica MUITO o filme. os momentos mais dramáticos do filme não tem a força que a gente ESPERA. se não fossem as atuações esse filme seria um completo desastre.

apesar das atuações as personagens são clichês.

megyn kelly vira a salvadora da pátria. a personagem da Nicole só serve pra fazer a história andar. depois que vi o filme que descobri que a personagem da Margot é fictícia. e muito apelativa.

É um tema interessantíssimo, mas eu acho que o fato de ser dirigido e escrito por homens prejudica sim um pouco o filme. o tema seria tratado com mais seriedade e profundidade se mulheres estivessem na direção e roteiro.

enfim, o que as críticas diziam se confirma. o filme é only acting, e é só por isso que não tem uma nota menor.

esperando a legenda pra assistir a mais uma performance impecável da Nicolegend Kidman

This is… the power behind the power

Review de Bomshell com spoilers:

Resumo

O fast paced filme começa com um behind-the-scenes do lado mais conservador da mídia, esta parte é apresentada pela Charlize totalmente transformada em Megyn Kellyn. A transformação dela é realmente impressionante, é quase um alien. A voz, a forma de olhar pra câmera, a entonação em certas palavras quando vai transmitir as notícias, é um full package em transformação. Nicole Kidman faz o papel da Gretchen Carlson, uma ex-miss America que virou âncora da Fox News. A performance da Nicole é subtle, ela é carismática assim como a Carlson, que constantemente é assediada ao vivo pelos seus parceiros de trabalho, e ainda assim ela tem que levar na brincadeira. A Carlson é a primeira vítima de assédio a vir a público, ela decide fazer isso quando é demitida (sem justa causa) pelo Roger Ailes, um poderoso chairman que esteve a frente da Fox News. É importante salientar o papel da Fox News. Como premissa, o canal 24h de noticia se auto intitula como “Fair and Balanced”, isto é, acreditam ser uma voz da direita que vai de choque com os meios de comunicação liberais.

Em diversos momentos, o filme acerta e é bastante explícito ao retratar assédio nas mais altas camadas de poder dentro de grandes corporações. Existe uma cena em que uma repórter está prestes a ser contratada, mas o manager só a contrataria caso conseguisse ter relação sexual. A cena é bem desconfortável e demonstra as tentativas de saída da repórter diante do assédio. Um ponto negativo dessa cena é a utilização dos pensamentos dela a medida que o assediador tenta conseguir vantagens dela, utilizando de tons cômicos em um momento sério como esse.

A vibrante e tensa Margot Robbie desempenha um papel fictício, mas que foi inspirado em diversos relatos das vitimas. Margot desempenha o papel de uma verdadeira “cria” da Fox News, ela se auto-descreve como uma evangélica millenium. Ela é aspirante e deseja desesperadamente subir ao cargo de âncora. Em uma das cenas, a personagem da Nicole deseja fazer um segmento sem maquiagem e sofre dura represália do Ailes. O ambiente de trabalho tóxico e machista é a regra aqui, a personagem da Margot acha que aquilo é normal, existe uma tentativa da Gretchen em avisar que aquilo seria um caminho difícil pra ela.

A vida da Megyn começa a desmoronar depois que ela decide fazer matérias sobre as eleições norte-americanas. A acusação de estupro pela ex-exposa do atual presidente vem à tona, e ela decide colocar no ar. Depois disso, acontece o famoso debate presidencial, sua vida pessoal e profissional começam a sair do controle. Ataques de cyberbullyng e ameaças fazem parte da sua vida agora. Tudo se transforma em um grande pesadelo. O filme é falho na tentativa de criar uma atmosfera de suspense, existe muito pouco desenvolvimento.

A cena mais importante do filme é com a personagem da Margot. Ao conseguir um encontro com o Roger Ailes, ela é assediada e aquilo muda a percepção dela do ambiente de trabalho. É uma cena bem forte, a excelente atuação da Margot foi muito importante aqui. Um dos meus momentos favoritos do filme é quando as três personagens se encontram no elevador (a cena aparece no trailer). A vida das três tem perdido seus devidos rumos, prejudicadas em suas carreiras, o silêncio e o medo sobre o realmente é latente. A Margot tem as cenas mais emotivas do filme, ela executa muito bem, bem emotiva, é incrível como esse papel fictício caiu como uma luva.

Um dos pontos negativos do filme, talvez por ser tão fast paced, são raros os momentos que demonstram o impacto do que acontece nas suas vidas. Talvez isso aconteça mais com a personagem da Charlize, que muito previamente em sua carreira foi assediada pelo Ailes. O filme demonstra isso em um flashback quase no fim. Outro ponto que eu tenho que destacar é o desafio de retratar mulheres tão problemáticas, em especial a Megyn, como quase heroínas. O filme erra feio em uma cena em que ela confronta se a personagem da Margot sofreu assédio e existe um victim shaming. É exatamente a mensagem que não pode passar. O final do filme extremamente fantasioso. Os Murdock (fundadores da Fox News) só aparecem para demitir o Ailes, como se eles fossem juízes do bem e do mal, como se não soubessem da forma que o Ailes colocava regras no canal. E aqueles diálogos desnecessários no fim? Uma completa baboseira. Em muitos momentos o filme parece ser feito para tv (não que isso seja um demérito), talvez funcionaria mais do que um lançamento em cinemas.

Gostei da edição no inicio do filme das personagens com as verdadeiras filmagens que aconteciam na Fox News. Existe uma cena muito boa em que existe uma colagem das vítimas e seus relatos, mesmo de forma muito breve. Merecia maior destaque. Para que quem gosta de The Big Short esse filme vai funcionar bem, apesar desse outro ser superior. Existe uma transformação que ninguém tem falado que é a do Bill O Mailley. Ele detinha um dos programas de maior audiência da tv a cabo norte-americana. Ele tem apenas uma cena no filme, é um milagre de maquiagem essa transformação. O filme é bem positivo nesse aspecto. Infelizmente, o apenas cita sua queda e de forma não explicada. Uma pena porque ele era uma das maiores cabeças pensantes do lado republicano da mídia. Enfim, o filme é confuso e sem desfecho em diversos aspectos. 3/5

@leh que queria o tea e @Kerouac que tá esperando o filme

5 Curtidas

Depois que ver o filme leio a resenha

1 Curtida

Auge estava em manutenção aqui

Amei sua análise, o filme peca em desenvolvimento do enredo mas o desenvolvimento das 3 personagens centrais é incrível

1 Curtida

3/5

7,5 ou 8 ainda não me decidi

Margot MAIOR que a Dern

Ainda não saiu a legenda?

af

Charlize >>>>>>>>>

meu deus é o mesmo plot do The Morning Show da apple.

só pra mim que o enredo desse filme foi muito mal escrito?

Não, a recepção do filme tá bem mista

Eu esperava MUITO mais desse filme. Nem sei explicar o que não gostei dele.