Carlos Alberto de Nóbrega fala sobre Silvio Santos em entrevista

A vida não anda nada fácil para Carlos Alberto de Nóbrega. Aos 85 anos de idade, o titular de A Praça é Nossa teme que Silvio Santos possa não estar vivo no ano que vem para renovar o seu contrato de trabalho com o SBT e garante que o dono do Baú não voltará a apresentar programas de televisão. “No ano que vem acaba o meu contrato. Eu não sei o que eles vão falar, eu não sei se o Silvio Santos vai estar vivo. O Silvio não volta mais para trabalhar, ele já parou. A gente já acha que ele não volta, e não volta mesmo. E eu, como é que eu fico?”, questionou o veterano.

Em entrevista ao Planeta Podcast, o apresentador revelou que precisa de seu emprego, e assumiu que se incomoda com a crise de audiência vivida pela programação do SBT, que acabou afetando o desempenho de seu humorístico. “Eu preciso desse emprego. Quando o programa vai pro ar, eu sei a minha fala e a do colega. Eu tenho o meu programa na mão, não preciso ficar nervoso, não preciso suar, eu sei o que tenho que fazer. Durante uns 14, 15 anos, A Praça é Nossa ficou em primeiro lugar absoluto”, afirmou o comunicador, que não se esquivou em falar sobre a concorrência.

“A Globo botava tudo em cima, e a Record faz a mesma coisa. Eliminação da Fazenda é na quinta, aquele negócio lá do BBB, é na quinta-feira. O Roberto Carlos era na quinta, a Xuxa também. Mas sabe o que eu digo pros caras e para os meus colegas? Ninguém pisa em cachorro morto. A gente tá incomodando. Talvez pela natação, eu tenha muito o espírito de querer ganhar, eu não gosto de perder. Eu fico louco quando eu perco, tô perdendo há muitos anos. Agora eu tô perdendo, mas antes da crise sanitária, eu cansei de ficar em primeiro lugar”, ironizou Carlos Alberto de Nóbrega.

Vai pro asilo