Depois de Marcos Mion e Ivete Sangalo, Globo pensa em novos nomes improváveis para compor o time de apresentadores da emissora

Não foi só a chegada de Mion que levantou e sacudiu a poeira na Globo. A estreia de Ivete Sangalo no comando do ‘The Masked Singer’ fez a direção da emissora pensar em uma atração maior para a cantora aos sábados e cogitar outros nomes, até então improváveis, para reforçar o time de apresentadores. O ano de 2022 promete surpresas na grade de programação na empresa dos Marinho.

O Mion nem deveria ser dado como improvável, eu gosto da energia dele no palco.
Inclusive se ele tivesse apresentado o No Limite o fiasco seria menor.

Chegou a sua vez, Rô

Rodrigo Apresentador global