Deputado do PL pede que lula seja considerado "persona non grata" em SP

Deputado do PL pede que Lula seja considerado ‘persona non grata’ em SP

O Deputado estadual bolsonarista Lucas Bove (PL-SP) apresentou uma solicitação à Alesp (Assembleia Legislativa de São Paulo) para considerar o presidente Lula (PL) “persona non grata” no estado.

O que aconteceu
Pedido cita comparação feita pelo presidente. No último domingo (18), o chefe do Executivo comparou as mortes causadas por Israel na Faixa de Gaza com o Holocausto. Nesta sexta-feira (23), Lula voltou a classificar como “genocídio” as ações militares israelenses em Gaza.

Parlamentar relembra que Israel já classificou Lula como persona non grata. O termo em latim significa que a pessoa é indesejada e se refere à prática de um Estado proibir um diplomata (no caso de Lula, um chefe de Estado) de entrar no país em viagem oficial. O chanceler Israel Katz enviou a mensagem de que Lula não é bem-vindo no país até que retire o que disse.