Espremendo até a ultima gota: Gloria Perez quer Giovanna Antonelli revivendo a Helo de Salve Jorge em sua próxima novela das 21h

A coluna contou aqui que Giovanna Antonelli está reservada para a próxima novela de Gloria Perez. Mas o que descobrimos agora é que a autora quer fazer algo inusitado neste trabalho: Gloria quer que Giovanna reviva a delegada Helô, que fez sucesso em Salve, Jorge. A autora já conversou sobre essa possibilidade com a atriz, que aceitou a ideia e se mostrou bastante empolgada para as pessoas próximas.

Na novela, de 2013, Giovanna e sua delegada roubaram a cena. Era Helô quem investigava a quadrilha de tráfico de mulheres e tudo que ela usava, falava ou vestia fez o maior sucesso nas ruas. Fora isso, a química com Alexandre Nero, seu par na trama, conquistou o telespectador. Gloria, aliás, sonha em repetir o casal Helô e Stenio, mas, por ora, Giovanna é quem deve mesmo reviver Dona Helô.

A novela de Glória Perez ainda demorará para ir ao ar, mas já vai entrar em produção. Depois de Um Lugar ao Sol, vai ao ar o remake de Pantanal, seguido da nova trama de João Emanuel Carneiro, que tem título provisório de Olho por Olho. Se o planejamento não se alterar, a trama de Glória estreia na sequência.

Em outubro, a autora falou um pouco sobre o seu novo projeto no Altas Horas: “Estou num projeto que é para março de 2023. Quero trazer uma história que emocione e faça pensar, refletir sobre uma porção de coisas, dentro desse universo moderno que estamos vivendo de revolução tecnológica, de excesso de informação. Esse mundo novo que se configura eu quero trazer para essa novela”.

1 curtida

Só se essa mulher for doida de pedra pra fazer isso

Pra que ficar revivendo novamente essa personagem, foi sucesso total em Salve Jorge que fique apenas por lá

meu deus o revival da personagem kkkkkkkk
mas gostava dela

A turma do 17 reunida

Donêlo

O crossover

Amava a delegada Helo

O universo compartilhado, amo

ideia interessante acho q nunca fizeram isso como papel fixo tem q saber como ela vai se encaixar na trama

faz sentido
essa personagem rendeu mt financeiramente

Ai essa mulher é péssima zzzzzzzzzzzzzzzzzz
Ficou lá em 2002 mesmo

Nossa, mas justo essa personagem de uma novela terrível? Sei não…

Essa próxima da Gloria tá com cara de fiasco vexatório desde que saiu que é toda tecnológica e tem até inteligência artificial. E nem diretor garantido ela tem mais agora que o Papinha dropou da Globo.

A não ser que seja apenas uma participação especial, é muito mico se escorar em personagem “de sucesso” (bem relativo) numa nova novela. A Beatriz Segall e o Mário Lago voltaram de Barriga de Aluguel pra O Clone, mas apenas como participação afetiva e por pouquíssimo tempo. Fora que os universos das duas novelas se interligavam através da inseminação artificial nas duas histórias. Agora uma delegada vai voltar com que intuito? Era melhor criar outra delegada/policial e dar pra outra atriz.

E novamente tá com cheirinho de exaltação policial vindo aí, como ela já fez horrores em AFDQ. Triste o que essa mulher virou (ou se revelou).

1 curtida

Fizeram sim amor, várias vezes. Jamanta voltou de Torre de Babel pra Belíssima, foi um auê na época.

22 personagens de sucesso que ressuscitaram em outras novelas

Atual novela das seis da Globo, Nos Tempos do Imperador conta com personagens de Novo Mundo (2017). Mas essa não é a primeira vez que figuras de outras novelas ressurgem em novas tramas.

Existem vários casos, mas separamos 22 na lista abaixo.

Confira:

Dulcinéa

Sucesso da Bandeirantes apresentado em 1980, Cavalo Amarelo teve uma continuação que estreou logo após o seu término.

Em ambas as tramas, a protagonista era a personagem Dulcinéa, vivida por Dercy Gonçalves. No entanto, a sequência não teve a mesma repercussão.

Serelepe, Pituca, Zelão e Coronel Epaminondas

Principais nomes de Meu Pedacinho de Chão (1971), Serelepe, Pituca, Zelão e Coronel Epaminondas retornaram junto com outros personagens em Voltei pra Você, sequência escrita por Benedito Ruy Barbosa e apresentada entre 1983 e 1984 pela Globo.

Os intérpretes do quarteto foram, respectivamente, Paulo Castelli, Cristina Mullins, Nelson Xavier e Castro Gonzaga – o único desses que vivia novamente o personagem.

Dona Armênia e seus três filhos

Em Deus nos Acuda (1992), Silvio de Abreu ressuscitou uma das personagens mais marcantes da história das novelas brasileiras.

Dona Armênia, vivida por Aracy Balabanian em Rainha da Sucata (1990), ressurgiu agora como dona da pensão onde moram diversos personagens, incluindo Maria Escandalosa (Cláudia Raia). Junto com ela, voltaram suas “três filhinhas”, Geraldo (Marcello Novaes), Gerson (Gerson Brenner) e Gino (Jandir Ferrari).

Detalhe: de uma novela para outra, Gino revela ser homossexual. Na trama, Dona Armênia conta ter sido abandonada pelos filhos e ficado viúva do quitandeiro Moreiras (Flávio Migliaccio).

Os rapazes gastaram todo o seu dinheiro enquanto ela curtia a vida no Boqueirão, e ela teve de começar tudo de novo, comprando um imóvel perto do porto, por onde imagina que seus filhos voltariam.

Murilo Pontes

Um dos protagonistas de Pedra Sobre Pedra (1992), Murilo Pontes (lima Duarte) ressurgiu em A Indomada (1997), participando de uma partida de pôquer na Casa de Campo, bordel de Zenilda (Renata Sorrah).

Um detalhe curioso é que na trama original, Murilo formava par romântico com Pilar Batista, vivida justamente por Sorrah.

Jamanta

Que o personagem Jamanta (Cacá Carvalho) não morreu em Torre de Babel (1998), todo mundo sabe.

Tanto não morreu que voltou em Belíssima (2005/2006), depois de ter escapado da explosão do shopping em Torre de Babel. Ambas as tramas são de Silvio de Abreu, atual chefe de dramaturgia da Rede Globo.

Pitágoras

Político à moda antiga e aliado de Altiva (Eva Wilma) em A Indomada (1997), Pitágoras (Ary Fontoura) foi escalado para fazer uma participação especial em Porto dos Milagres (2001).

No entanto, a presença do personagens fez tanto sucesso que ele acabou ficando até o final da trama de Aguinaldo Silva e Ricardo Linhares.

Victório Viana

Aqui, mais um caso de personagem de Lima Duarte que foi revivido. Senador corrupto vivido pelo ator em Porto dos Milagres (2001), Victório Viana acabou fazendo uma participação especial em Senhora do Destino (2004).

Mary Montilla

Personagem que se destacou em Belíssima (2005), a ex-vedete Mary Montilla, vivida por Carmem Verônica, acabou fazendo uma participação especial de dois capítulos em Paraíso Tropical (2007), novela que está sendo exibida atualmente pelo canal Viva.

Na nova trama, ela apareceu como amiga do casal Virginia (Yoná Magalhães) e Belisário (Yoná Magalhães).

Mário Fofoca

Mário Fofoca, personagem de Luis Gustavo que acabou dominando Elas por Elas (1982), já havia participado de um episódio de Sai de Baixo.

Anos mais tarde, em 2010, Maria Adelaide Amaral trouxe novamente o atrapalhado detetive para o que seria uma participação especial no remake de Ti-Ti-Ti (2010). No entanto, como caiu no gosto do público, ele acabou ficando até o final da trama.

Ti-Ti-Ti, aliás, ressuscitou diversos outros personagens marcantes da história da televisão, como forma de homenagem.

Ypiranga e Scarlet

Em A Indomada (1997), o prefeito Ypiranga amava obras e queria transformar a cidade de Greenville em uma pequena Londres. Ao seu lado, a fogosa Scarlet (Luiza Tomé) era uma primeira-dama muito animada, que chegava a uivar em noites de lua cheia.

Esse casal inesquecível retornou em O Sétimo Guardião (2019) também escrita por Aguinaldo Silva. Em Serro Azul, cidade em que O Sétimo Guardião foi ambientada, a dupla volta para reformar um casarão antigo a mando de Valentina Marsalla, personagem de Lília Cabral, que vai retornar para lá após anos fora.

Ao fim da participação, o casal simplesmente deixou a cidade num carro voador.

Eliza, Natasha e Dani

Não uma, mas três personagens da novela Totalmente Demais (2015/2016) retornaram na trama posterior da dupla Rosane Svartman e Paulo Halm, Bom Sucesso (2019/2020).

Eliza (Marina Ruy Barbosa), modelo vencedora do Concurso Garota Totalmente Demais entrou em Bom Sucesso para participar do desfile de Paloma (Grazi Massafera). Lavínia Vlasak viveu a personagem Natasha Oliver em Totalmente Demais.

Em 2019, a atriz reviveu a ex-modelo numa participação especial em Bom Sucesso. A personagem era uma aposta da Editora Prado Monteiro. Por fim, a modelo internacional Dani Lieb Dich (Fernanda Motta) estava tendo um affair com Marcos e provocou ciúmes em Paloma. Ela participou de um dos desfiles de Bom Sucesso.

Beto Falcão

Antes de “morrer” em Segundo Sol, o cantor Beto Falcão (Emílio Dantas) emplacou o hit de Carnaval “Axé Pelô” na primeira fase da novela de João Emanuel Carneiro, que foi ao ar em 2018.

Um ano depois, em 2019, ele “reapareceu” na novela Verão 90, de Izabel de Oliveira e Paula Amaral. Ambientada nos anos 1990, como sugere o título, a novela das sete mostrou um show do cantor de axé na Galeria Sibéria.

Ester Delamare

Quase duas décadas depois do fim de Força de um Desejo (1999/2000), a protagonista Ester Delamare retornou na novela Tempo de Amar (2018).

Na trama, a cantora Carolina de Sobral (Mayana Moura) era filha de Ester e Inácio (Fábio Assunção), o casal protagonista da trama de Gilberto Braga e Alcides Nogueira. Malu Mader reviveu a Baronesa e prestigiou uma apresentação da filha.

“Muito obrigada. Dedico este recital à minha mãe, Ester Delamare de Sobral. Que muito honra-me e emociona com sua presença”, disse a cantora.

A personagem ainda teve um pequeno embate com Emília (Françoise Forton), ex-amante do seu marido.

Gloria Perez não apenas é Bolsominion, ela é olavista.

CREDONELÔ…