EUA investigam casos de inflamação cardíaca em jovens recém-vacinados

De acordo com o CDC, o número de casos em jovens é relativamente pequeno e ainda não é possível associá-lo com clareza às vacinas contra a Covid-19

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês) dos Estados Unidos está investigando relatos de que um pequeno número de adolescentes e jovens adultos possam ter adquirido problemas cardíacos após serem vacinados contra o novo coronavírus, de acordo com o grupo de segurança de vacinas da agência.

A declaração do grupo não apresenta muitos detalhes e afirma que um “número relativamente pequeno” de casos foi registrado, sem ter a possibilidade de relacioná-los diretamente com as vacinas. A condição, chamada de miocardite, é uma inflamação do músculo do coração e pode ser desenvolvida após determinadas infecções.

Ainda em estágios iniciais, os estudos do CDC não podem afirmar com clareza de que há uma relação entre as vacinações e os casos de miocardite. Apesar disso, a agência publicou uma série de recomendações a médicos e clínicos para que fiquem atentos a casos incomuns presentes em adolescentes e jovens adultos que tenham sido imunizados contra o novo coronavírus recentemente.

Os relatos apontam para o início da condição cerca de quatro dias após a aplicação da segunda dose das vacinas que contam com a tecnologia de RNA, como a da Pfizer-BioNTech e da Moderna.

Até o momento, os números de casos de miocardite associados à vacina não aparentam ser maiores do que na população de jovens em geral. Esse número varia entre 10 e 20 pessoas em 100 mil. Além disso, a a grande maioria dos casos é leve ou nem chegam a ser diagnosticado.

Apesar disso, o CDC julgou “ser importante informar os relatos de miocardite às farmacêuticas”. A vacina da Pfizer teve seu uso autorizada para jovens a partir dos 16 anos em dezembro e, no início de maio, foi estendida para crianças a partir dos 12 anos de idade,

Os departamentos de saúde dos estados de Washington, Oregon e Califórnia já haviam alertado cardiologistas sobre o problema. Também há uma relatório com sete casos que foi submetido a uma revista científica para revisão e publicação.

@coroners

1 curtida

2 curtidas

é o fim do mundo

o gatilho apague agora

1 curtida

O virus tmb não tá causando?!
Choose your fighter

Acabou, porra

1 curtida

mds

o prato cheio pros antivax

os minions prontos para se lambuzar no recheio

kkkkkkk os minions se lambuzando com a noticia

O próprio COVID causa miocardite