Galã das redes, Humberto Carrão reclama: 'Me fazem falar muito disso'

Pronto para estrear no remake de “Renascer”, próxima novela das nove da Globo, Humberto Carrão, 32 anos, causa furor por onde passa, seja em seus trabalhos na telinha, nas rodas de samba que transita nas horas de folga, ou com as fotos nas redes sociais curtindo o verão bem à vontade.

Além do reconhecimento por seus trabalhos, o ator movimenta os fãs por ter se tornado um dos bonitões do momento da Globo. Nas redes sociais, criaram a brincadeira do “alerta Carrão” para mostrar onde está o galã em suas folgas.

No entanto, a recorrência sobre o tema da “beleza e charme” deixa Humberto Carrão incomodado.

Em conversa exclusiva com a coluna, durante a festa de lançamento da novela, no Rio, ele afirmou não entender o “entusiasmo” com o assunto:

Não é que o título de galã me deixa tímido, eu só não consigo entender muito o motivo de ser uma questão que vai e volta. Quem acha que eu sou galã, acha. Não entendo ser um assunto tão recorrente.

Carrão diz que prefere focar em temas sobre a vida profissional:

Não sei o porquê [do furor]. Dedico muito do meu tempo e do meu interesse para as coisas que eu faço, como Renascer, por exemplo. Gosto mais de falar de trabalho. E não é que eu não goste de falar sobre ser galã, é que me fazem falar muito.

‘Novela da vida de muita gente’

Humberto Carrão em ‘Renascer’ (2024)
Imagem: Divulgação/Globo

Na trama escrita por Bruno Luperi, baseada na obra de Benedito Ruy Barbosa, Carrão dividirá o papel de José Inocêncio com Marcos Palmeira. Ele interpretará o personagem na primeira fase.

O ator vê o trabalho como uma oportunidade de homenagear a novela original, que fez tanto sucesso na década de 1990.

“Renascer é a novela da vida de muita gente. As pessoas sabem de cor as cenas e falas. Encaro isso como uma motivação. Nunca foi uma responsabilidade ou obrigação superar algo. Faço de forma alegre e tranquila. Fazer de novo é uma forma de homenagear os que já fizeram. É um texto muito poderoso que vale ser contado muitas vezes”, afirma.

‘Política está em tudo’
Ainda na entrevista, Carrão disse ser privilegiado por emendar trabalhos que abordam temas sobre a história e política. “Tenho a sorte de encontrar projetos que estão interessados em discutir a história do nosso país, e esse é também o meu interesse”.

Carrão, que sempre se posiciona politicamente e levanta debates em suas redes sociais, diz:

Se eu fosse dentista também falaria o tempo inteiro de política. Política está em tudo. Questionar a nossa história é importante. Como uma figura pública, faço novelas e cinema que são plataformas que me ajudam também a conversar sobre tudo isso.

Puto

Lindo gostoso

Ele ja foi mais bonito e charmoso.

Quero usar a porra dele na minha rotina de skincare

O desperdício
Porra de macho assim é bom dentro

Tu é péssimo

Nunca foi bonito

E tá ficando calvo

Agora que n tira mais o boné do MST

1 curtida

macho suculento de verdade
meu sonho mamar esse puto num beco fétido nas proximidades da pedra do sal

galãs feios

o praise é só porque ele é esquerdomacho né?
porque esteticamente é tão lindo quanto os irmãos simas

Ele e eduardo moscovis sao dois surtos coletivos

1 curtida

ele na verdade é bem feinho so q ele tem um tempero, um charme mesmo q o torna atraente

Eu bem já vi ele em uma quando em tinha 14 anos eu acho kkkkk lá em Santa tereza

Homem feio desses

Feio

Chato e ator mediano

1 curtida

Não quer falar sobre isso é só não dar entrevista. Fica em casa.

galãs do fim do mundo só se for, um trabuco desses