Gays que moram sozinhas venham aqui

Esse problema de vocês nunca tive porque fui morar sozinho quando já não tinha mais meus pais.

isso é de se pensar tbm

Procura uma emergência de hospital

Eu chorei horrores quando fui parar no hospital sozinha kkkkkkk e foi por besteira, mas foi muito agonizante

é mó bafão, da pra adicionar c/ local no perfil do Grindr

n vejo a hr do meu momento chegar

Gente? Sintou muito deve ter sido uma barra

1 curtida

mas nao é doença simples assim, é tipo quebrar uma perna alguma coisa q deixe impossibilitado de fazer as atividades do dia-a-dia

Vou começar a estudar pra concurso e quando passar irei procurar um lugar pra morar sozinho

Lá em casa até pasta de dente dá discussão e eu cansei disso

sem ter ninguém pra te “defender”, ver se tão cuidando direitinho de vc

é aterrorizante ficar assim “jogado/a” na mão dos outros

Eu fiquei mofando lá por horas e uma enfermeira vinha de cinco em cinco minutos me mandando parar de chorar kkkkkkkk eu quase coringuei

Eu acho que sou muito desapegado com essas coisas pq nunca tive de vdd isso de “casa dos pais”

Obviamente que eu tinha casa mas eu nunca enxerguei aquilo como um lar acolhedor que deveria ser

Minha mãe me largava nos cantos pros outros cuidar e era isso

Meu pai melhor nem falar sobre aquele filho da puta

Sofri um pouco no 1º ano, pq eu era o tipo de filho que não fazia muita coisa de serviço doméstico qdo morava com minha mãe. Mas eu sempre fui mto organizado, isso ajudou.
Vc vai ter que se organizar bastante financeiramente, eu fiz planilha pra colocar todos os gastos do mês e saber qto poderia gastar.

Eu tenho uma segurança a mais pq meu namorado vai me ajudar tmb

Eu moro sozinhe faz 7 anos, e foram varias fases…

O primeiro desafio foi aprender a controlar meus gastos etc…mas aprendi e megra superei, mesmo ganhando pouco. Precisei abrir mão de varios luxos (balada, skin care, perfume etc)

Depois veio o desafio de aprender a conciliar a limpeza, manter as roupas lavadas, as panelas limpas e etc. No inicio eu não conseguia mesmo, pq ficava o dia todo na rua trabalhando e estudando e chegava em casa sem energia pra cuidar de casa.

O terceiro desafio foi o de cuidar de mim, da minha saude mental e fisica mesmo em meio à tanta responsabilidade. Confesso que isso ainda ta sendo um processo…nem sempre consigo mas pelo menos evoluí

Por fim, depois de tanto tempo sozinho surgiu o desafio de administrar a solidão e o contato com a família…passei a me sentir sozinho no mundo e precisei “resgatar” minhas raízes, retomar o contato com familiares e amigos de antigamente

Acho que é isso…a solidão foi me ensinando e eu aprendi na marra a ser autosuficiente, vc tbm aprenderá

4 curtidas

Credo

é babado

nos primeiros meses fiquei deslumbrada e fiz essa casa de bordel chamando macho do grindr pra cá todo dia

mas tava deixando a energia pesada e fiquei mais criteriosah

Eu era mais apegado aos meu pais quando criança, foram ótimos pais até onde eu me lembro, mas eu cresci e minha sexualidade foi aflorando e começou a luta. Cansado de ouvir as barbaridades que minha mãe fala de lgbts

Fez 8 meses que sai da casa da minha mãe. Eu me surpreendi comigo, pq estou lidando muito bem. No começo eu tive alguns medinhos, mas a alegria de ter LOCAL no GRINDR me instigava a enfrentar o medo (Zuera, essa só foi uma das motivações, mas n a principal kk)

Em relação as contas até que estou indo bem, mas posso melhorar muito. Aliás. eu vou!
Mas a melhor parte é ter um canto pra descansar onde não tem muita gente falando na minha cabeça. A minha mãe pegava muito problema alheio e sobrava pra mim.
Até minha relação com ela melhorou. Eu não estava tendo muita paciência com as coisas que ela dizia. Sem falar q ela tentava me controlar mesmo eu sendo um marmanjo.
Enfim, só benefícios!

1 curtida

Socorro, eu também estava assim kkk. E a energia pesa mesmo. Não cheguei a trazer muitos aqui nesses 8 meses, mas os que vieram ja pesou e eu já percebi que lar é sagrado mesmo. Então to mais tranquilo. Nem no Grindr eu entro mais kkk.