Jovem é morto pela policia após se declarar fã de serial killer Lázaro


A morte do jovem Hamilton Cesar Lima Bandeira, ocorrida por volta de 11h da última quinta-feira (17), vem levantando muito polêmica e chocou os moradores de Presidente Dutra. O rapaz, que residia no Povoado Calumbi, foi encontrado morto dentro da própria residência em circunstâncias típicas de execução.

Hamilton sofria com deficiência mental e tomava remédio controlado. Ele acabou postando na internet um vídeo afirmando que admirava o serial-killer Lázaro Barbosa, que nos últimos dias cometeu vários assassinatos na região de Ceilândia, no Distrito Federal, e vem chamando atenção por lograr, durante 10 dias (até 18 de junho de 2021), uma fuga da força tarefa policial com expressivo contingente no entorno do DF.

O crime teria ocorrido na presença da mãe e avô de 91 anos de Hamilton.

Na gravação, que não deveria ter sido levada a sério, o jovem afirmou ainda que estaria num filme junto com o matador. Infelizmente, alguns moradores ficaram assustados com o vídeo e fizeram denúncias à polícia.

O que deveria ter gerado uma simples abordagem ou prestação de esclarecimentos, por algum motivo acabou se transformando numa execução. Hamilton, que estava desarmado, acabou sendo morto. A mãe do rapaz acusou a polícia de ter assassinado o filho por razões torpes.

“Meu filho usa remédio controlado, então certas coisas que ele fala são só da imaginação dele, mas ele nunca fez e nem faria mal para ninguém. Não era motivo de ninguém chegar aqui e já ir atirando e matando.” , disse a mãe.

O jovem tinha costume de gravar vídeos e publicar no Facebook ou em grupos de Whatsapp.

“Deram três tiros nele, ele caiu no chão e depois o pegaram, colocando ele na viatura como se fosse um animal. Ele ficou com um ferimento no rosto por causa da violência em que foi jogado no carro. Eu quero justiça, até porque não tinha nenhuma passagem pela polícia, ele nunca fez nada” , continuou.

O caso chocou a população e gerou bastante revolta, pois a maioria acredita que o homicídio foi totalmente desproporcional ao ato feito pelo jovem, ainda mais levando em conta que ele sofria de problemas mentais.

A autoria do crime ainda não foi comprovada oficialmente e o caso segue em investigação pela Polícia Civil.

A escola em que Hamilton estudou emitiu uma nota de pesar lamentando a sua morte.

1 curtida

Vídeo da mãe falando sobre o ocorrido:

3 curtidas

Ai, editando porque esse é um assunto megrah serio e me senti mal. Que absurdo isso, nem imagino a situação da mãe e avó. :confused:

1 curtida

Meu Deus

2 curtidas

que horror

?

Kkk é uma piada porque o satan que ficava fazendo essa piada de amar o serial killer.

Meu Deus

2 curtidas

Achei que tinha sido um caso de linchamento, mas foi a polícia que executou??? :wtf:

1 curtida

eu sei, tbm fiz essa piada no fixo do Lázaro

meu deus :sob:

1 curtida

O cara sofria de problemas mentais, gente…q absurdo…

A mãe está acusando a polícia, ela detalha mais no vídeo, segundo ela eles entraram e atiraram no filho por conta do vídeo que viralizou

Mds

2 curtidas

Bom ban

@Kanye

1 curtida

estou preocupada com ela agora, espero que a polícia não rastreie o ip dela

1 curtida

a vida do ser humano nao vale nada pra policia né

1 curtida

meu deus, que dor a mãe dele falando

2 curtidas