Lula chama embaixador de Israel de volta ao Brasil

Lula chama embaixador de Israel de volta ao Brasil

Medida é uma resposta ao fato de Israel ter convocado o diplomata para uma reprimenda ao Brasil

O embaixador do Brasil em Tel Aviv, Frederico Meyer, foi chamado de volta por Lula (PT) ao país para consultas.

A medida é uma resposta ao fato de Israel ter convocado o diplomata para uma reprimenda ao Brasil depois que o petista comparou o que ocorre na Faixa de Gaza ao Holocausto. As declarações de Lula abriram uma crise diplomática com o governo israelense.

Nesta segunda (19), o Ministério das Relações Exteriores do governo de Binyamin Netanyahu declarou o líder brasileiro “persona non grata”.

Mais além, a pasta fez uma reprimenda ao embaixador do Brasil em Tel Aviv, Frederico Meyer, no Memorial do Holocausto, Yad Vashem. O gesto foi classificado por um diplomata como “show”. Normalmente, advertências a embaixadores são feitas nas sedes das chancelarias.

Lula afirmou no domingo (18) que as ações militares de Israel na Faixa de Gaza configuram um genocídio e ainda fez um paralelo com o extermínio de judeus promovido por Adolf Hitler.

“Sabe, o que está acontecendo na Faixa de Gaza com o povo palestino, não existe em nenhum outro momento histórico. Aliás, existiu quando Hitler resolveu matar os judeus”, disse o petista.

O premiê Netanyahu já havia dito que Lula “cruzara uma linha vermelha” com suas declarações, e alguns deputados federais aliados do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) usaram o tema politicamente e chegaram a aventar um pedido de impeachment do petista.

Como mostrou a Folha, a reação de Israel repercutiu mal dentro do Palácio do Planalto. Integrantes do governo consideram que Tel Aviv quer aumentar a dimensão da crise e avaliam ser improvável um pedido de desculpas do presidente.

amooooo, vem rompimento

espero q os crentes q foram fazer excursao sejam impedidos de voltar

1 curtida

O embaixador ficando desempregado tadinho