Maju Coutinho no Fantástico representa uma mudança estrutural na televisão?

Maria Júlia Coutinho não é a primeira jornalista negra a apresentar o “Fantástico”. Antes dela, a revista eletrônica teve nomes como Glória Maria entre os apresentadores. Ainda assim, o reconhecimento de profissionais negros na televisão brasileira esta aquém da realidade de um país onde a maioria da população se autodeclara negra.

Maju percorreu um longo caminho dentro da TV Globo até chegar ao “Fantástico”. Poucos anos atrás era a profissional da previsão do clima, no “Jornal Nacional”, onde também passou a compor a bancada esporadicamente, até ser escolhida como âncora do “Jornal Hoje” em 2019. O jornalístico vai ser assumido por César Tralli.

Aline Ramos, colunista de Splash, destaca que a chegada de Maju ao “Fantástico” pode, sim, representar uma mudança estrutural na televisão brasileira.

Nos últimos anos, Maju mudou de cargo e ocupou espaços onde até então não havia mulheres negras. Isso tem um valor muito grande tanto na estrutura da Globo quanto no jornalismo como um todo, se a gente pensar em referências e diversidade, que ainda é algo muito difícil. Ela faz parte deste momento marcante.

Aline, que também é negra e jornalista, se espelha na própria trajetória ao analisar que Maju no programa da noite de domingo da TV Globo pode significar um novo passo para a televisão.

Eu sempre pontuo isso por um aspecto pessoal. Na faculdade, eu tinha o cabelo igual ao da Maju e ouvi de uma professora que se eu quisesse trabalhar na televisão teria que alisar meu cabelo, mudar minha identidade.

Débora Miranda, editora-chefe de Universa e apresentadora do podcast “Splash TV Vê”, pondera que a nova apresentadora do Fantástico faz parte de um movimento novo, mas importante: o de valorização das profissionais mulheres.

Esse espaço não foi aberto por ela [Maju] ser uma mulher negra, mas ela é uma mulher negra e, assim como outras, em outras épocas não estaria nesse lugar. Esse reconhecimento é muito merecido.

Ela nao foi a primeira

É só ler a primeira linha

Entao

Só n quiseram rebaixar ela tirando do JH, Globo n soube trabalhar a Maju de forma alguma…

Pode ter sido merecimento mesmo, difícil enxergar isso nela?

A Maju tem tudo para se dar bem no Fantastico

Ela não estava indo bem no JH

Grande erro terem tirado a Sandra Anemberg precorcimente

Tirar a Sandra do Jornal foi um erro

1 curtida

Teve nomes e só cita 1 nome!

O jornalismo no Brasil morreu mesmo! Hahahahahahahahahahaha

Nossa nova Gloria Maria

É uma ótima conquista, mas mudança real só acho que vai rolar se for no Jornal Nacional. Tá que tem ela e o Horácio, mas eles são meio que ancoras substitutos

Lenda
N acho que ela tenha mt perfil p bancada diaria, então o Fanty eh PERFEITO p ela
Ela vai arrasar mt

A Aline é outra lenda
Inclusive, ela quem merecia ir por JH

Talento vencendo né

A Globo foi muito apressada em promover a Maju com vários outros profissionais na fila.