PIB paulista cresceu 0,5% no segundo trimestre sobre o primeiro, calcula Seade

O Produto Interno Bruto (PIB) do Estado de São Paulo cresceu 0,5% no segundo trimestre deste ano, sobre o primeiro trimestre, feito o ajuste sazonal, segundo a Fundação Seade. No período de janeiro a março, o produto paulista cresceu 1,7% na comparação com outubro a dezembro de 2020, feito o ajuste sazonal.

Na comparação com o mesmo período do ano passado, o PIB do segundo trimestre teve expansão de 15,2%. No acumulado em quatro trimestres, houve crescimento de 6,9%.

O PIB paulista representa cerca de um terço do PIB nacional, que o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) vai divulgar na próxima quarta-feira, dia 1 de setembro. Mediana de estimativas colhidas junto ao mercado financeiro pelo Valor Data aponta que o produto nacional deve crescer 0,2% no segundo trimestre sobre o primeiro.

De acordo com a fundação, no segundo trimestre, o destaque foi a expansão do PIB industrial, que cresceu 20% na comparação com o mesmo período do ano passado, seguido pelos serviços, com 13,3%. A agropecuária registrou queda de 6,3% no período. A Seade não divulgou os dados com ajuste sazonal.

A fundação estima que em 2021 o PIB do Estado deve crescer 7,2%. Bons números no mercado imobiliário, aumento de exportações e flexibilização das restrições impostas por causa da pandemia são os fatores que devem motivar o crescimento até o fim do ano, segundo a Seade. Há dúvidas, contudo, sobre o ritmo de crescimento da indústria no segundo trimestre por causa da falta de insumos em cadeias produtivas estratégicas no Estado, como no setor automotivo. Há perda de dinamismo da indústria metalmecânica e fraco desempenho na indústria de alimentos, com queda de 10,7% na produção no acumulado até junho, especialmente devido aos efeitos negativos do clima, diz a instituição. Outro fator de preocupação é o aumento da inflação.

1 curtida

@Paulistas

locomotiva do brasil

Patroa do cusil

Isso porque o clima vem afetando alguns setores

A surra no Brasil que caiu

Gente o smash

Região Metropolitana nasce forte com 24 cidades e R$ 77 bi de PIB

https://www.google.com/amp/s/www.jornaldepiracicaba.com.br/regiao-metropolitana-nasce-forte-com-24-cidades-e-r-77-bi-de-pib/amp/

A patroa

Meirelles se mostrando competente

Ngm acima de SP!