Prefeito do RJ propõe internação compulsória de usuários de drogas

A pessoa pra dizer que internação compulsória não funciona precisa ao menos apresentar uma solução melhor.
Eu sinceramente não vejo outra alternativa, só não sei se há vagas em centros de reabilitação pra comportar toda a demanda, que é gigantesca.

3 curtidas

eu tenho um parente que é dependente químico, o problema dele nem é a internação em si, mas a autonomia de dizer a hora que quer ir embora, porque na cabeça dele ele já está curado, não dá duas semanas ele cai de novo no vício.

1 curtida

Ou funciona pra quem é inocente e preso com grama de maconha

1 curtida

Tem uns queridos ao redor da minha faculdade que precisam ser reabilitados.

Se as pessoas forem bem tratadas e sem violência nas clínicas, eu concordo

Lindo, meu pai faz tudo. Só faltou a pena ** *****

Gente

Leva pra sua casa então !

Na cidade onde eu moro estão fazendo isso. E a prefeitura passa na rua auxiliando os que ficam jogados bêbados, levam pra uma casa onde tem chuveiro, alimentação e tudo mais. É algo interessante. Tem casos que só internação dessa forma resolve

e quem disse que nao levo

o @perseu é viciado em rola e vive aqui

Se não tiver vagas só despachar essa gente pra centros no interior e em outras cidades bem longe

Tem espaço suficiente pra colocar todo esse povo?!

Tem gay nesse fórum que só não é bolsominion pq dá o cu. Cada postura conservadora. Vão estudar sobre luta antimanicomial e redução de danos.

2 curtidas

nao vai funcionar mas ele fará muitas fotos pra campanha de 24

o programa “de braços abertos” da gestão haddad na prefeitura de são paulo pra mim é um ótimo exemplo de caso de sucesso.
ele dava emprego, comida e alojamento para dependentes químicos. isso diminuia o consumo e mantinha as pessoas ocupadas.
preguiça de buscar links, mas parte significativa das pessoas ao final do programa queria que ele continuasse e como no link abaixo dois terços diminuiram o consumo de crack.
tudo que aconteceu pós haddad só intensificou o trafico e ampliou a crackolandia porque esse tipo de consumo aglomerado é uma questão social e de saude.