Professor é PRESO ao se recusar remover adesivo chamando Bolsonaro de GENOCIDA

Ele foi solto, mas a d1tadurs tá grande viu