VENEZUELA ? Cresce a procura por doações de ossinhos e fila em açougue de MT dobra quarteirões

Às vésperas do Natal, a fila de famílias esperando doações de ossinhos em um açougue no Bairro CPA 2, em Cuiabá, cresceu mais de 60%. Algumas pessoas chegaram na tarde do dia anterior e outras durante a madrugada. Eram tantas pessoas à espera, nesta quinta-feira (23), que a fila se estendia por cerca de cinco quarteirões.

A fila começou a ter repercussão em julho deste ano, aliado ao crescimento do desemprego. Desde então, o número de interessados só aumentou. E, na última segunda-feira (20), a Secretaria de Assistência Social do município fez um levantamento, apontando que havia 160 famílias que dependiam dessa doação e passaram a ser monitoradas pelas instituições de assistência social.

Mas, nesta quinta, a equipe do açougue que trabalha na organização dos beneficiados distribuiu 402 senhas, ou seja, o número de pessoas que compareceram no local hoje foi mais de 60% maior que o que buscou doação no início da semana.

É que, além dos ossinhos doados pelo açougue, foram entregues cestas básicas.

Entre os interessados estavam mulheres, idosas, negras, com crianças menores ou com bebês de colo. Uma mãe amamentou o filho enquanto esperava a doação. Até cachorros também circulavam pela rua, seguindo os donos.

Durante a ação, um idoso chegou em uma charrete. Ele amarrou o cavalo em uma rua lateral, e seguiu para a fila.

Um menino aparentando ter 13 anos foi retirar uma cesta básica para levar ao pai, que é idoso e está de cama. Ele não pôde receber a senha porque era menor de idade, mas os moradores na fila pediram que ele recebesse.

Os idosos tinham dificuldades em levar três sacolas cheias de alimentos e produtos de limpeza. Alguns derrubaram os alimentos na rua e na calçada. Outros abriram as marmitas e comeram ali mesmo, porque estavam com fome.

a que ponto chegamos mds

ta cada vez mais comum encontrar esses casos no jornal, é bizarro dms

Chegamos no fundo do poço

Existe alguma ong oficial gente?

Uma das coisas que mais me choca com essa informações sobre a fome no pais é que sempre fazem questão de frisar que passar fome é o mesmo que não poder consumir carne vermelha.

que fez essa ação em especifica ? eles colocaram na reportagem (n coloquei pra não ficar mt grande o topico)

Doações

As doações de cestas básicas reuniu diferentes organizações não-governamentais e até iniciativas próprias.

O grupo de jovens Tropa do CPA contribuiu na arrecadação e organização, bem como os 14 voluntários do Instituto Canopus, que atua na contribuição social e cultural com dignidade às pessoas.

A igreja Mundial também esteve presente, fazendo orações e exaltando a fé entre os moradores. Uma digital influencer apareceu com 93 cestas básicas.

Queria fazer uma doação mas não tenho muito

logo logo a gente chega no nivel Haiti

Salnorabo lixo

Lembrei da Celine Dion.